Circuitos integrados, Componentes eletrônicos, Eletrônica, Materiais

O que é permissividade elétrica?

Atendendo a pedidos, vou explicar o que é permissividade elétrica. Muitos da área conhecem como uma constante, mas existe muito mais por trás.

Definições

È uma grandeza que determina a capacidade de uma substância para resistir ao campo elétrico de uma carga induzida. Representada pela letra grega epsilon \varepsilon e é medida em farads/metro (F/m). Esta é a equação da constante dielétrica \kappa ou \varepsilon _{r}, também chamada de permissividade relativa.

\kappa=\varepsilon _{r}=\frac{\varepsilon }{\varepsilon _{o}}

  • \varepsilon_{o} é permissividade elétrica do vácuo, que vale 8,854\cdot 10^{-12}F/m;

Na presença de um campo elétrico, as moléculas do material formam dipolos elétricos dentro de sua estrutura e se orientam com o campo elétrico.

Dependendo do material, o campo elétrico pode modificar a estrutura molecular do dielétrico.

Esta é a equação da densidade de fluxo elétrico \vec{D} em Coulomb por metro quadrado [C/m^2].

\vec{D}=\varepsilon \vec{E}

  • \vec{E} é o campo elétrico em V/m.
\chi _{e} é a susceptibilidade elétrica do material e calculada desta forma.

\chi _{e}=\varepsilon _{r}-1

Esta é a tabela da constante dielétrica de alguns materiais.

A constante de outros materiais podem ser encontrados neste link em inglês.

Polarização

Outra forma de calcular a densidade de fluxo \vec{D}:

\vec{D}=\varepsilon _{o}\vec{E}+\vec{P}

\vec{P} é o vetor de polarizacao em C/m^2. Polarização é a mudança de distribuição de carga em um dielétrico (isolante) devido ao campo elétrico. Pode ser calculado desta forma:

\vec{P}=\chi _{e}\varepsilon _{o}\vec{E}

Permissividade complexa

Com corrente alternada ou onda eletromagnética, a polarização não muda instantaneamente na presença de uma carga elétrica, produzindo uma diferença de fase. Por isso, a constante dielétrica tem partes real e imaginária.

\varepsilon =\varepsilon _{o}\varepsilon _{r}=\varepsilon _{o}(\varepsilon '-j\varepsilon '')

A parte real \varepsilon ' representa a quantidade de energia armazenada do campo elétrico no material, além de mudar a relação entre os campos elétrico e magnético. Enquanto a parte imaginária \varepsilon '' representa as perdas do material para um campo externo. A permissividade relativa forma um ângulo com sua parte real, a tangente deste ângulo é chamada de tangente de perda.

tan(\delta) =D=\frac{1}{Q}=\frac{\varepsilon'' }{\varepsilon '}

  • D é o fator de dissipação.
  • Q é fator de qualidade.

Esta é a tabela da tangente de perda de alguns materiais.

Tangente de perda de outros materiais podem ser encontrados neste link em inglês.

Mudando a permissividade elétrica

A constante dielétrica pode mudar com a frequência, temperatura e outras propriedades físicas dos materiais. As ligações químicas no material determinam como a permissividade elétrica relativa vai mudar com a frequência. Muitos materiais têm a permissividade relativa estável até a frequência dos microondas ou megahertz. Nas regiões de transição de polarização, a parte real (Dk) cai de nível com o aumento da frequência e a perda de tangente (Df) aumenta.

 

Print Friendly, PDF & Email
Liked it? Take a second to support Electrical e-Library on Patreon!

About Pedro Ney Stroski

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *