Energia, Materiais, Novas tecnologias, Supercondutores, Temperatura

Notícia: Supercondutor teórico a alta temperatura

Um supercondutor a base de hidrogênio pode teoricamente funcionar a 200ºC, mas precisa de uma pressão muito elevada.

Fonte: Science News (Traduzido para o Português)

Cientistas calcularam que um composto rico em hidrogênio poderia conduzir eletricidade sem resistência a temperaturas por volta de 200ºC – muito acima do ponto de ebulição da água 100ºC. Se esta previsão for confirmada experimentalmente, o material pode estar em grande contraste com todos os supercondutores conhecidos, estes devem ser resfriados abaixo da temperatura ambiente para funcionar.

Todos os supercondutores existentes precisam ficar a temperaturas muito baixas, próximas do zero absoluto para funcionar. Por isso, têm aplicações limitadas. Um fio supercondutor tem resistência zero e seria excelente na transmissão de energia elétrica, pois não haveria perda de energia.

O novo supercondutor previsto – um composto de hidrogênio, magnésio e lítio – tem as suas complicações. Deve ser submetido a pressão extremamente alta, aproximadamente 2,5 milhões de vezes a pressão da atmosfera da Terra.

Este trabalho foi feito pela equipe de Hanyu Liu, da Universidade Jilin, em Changchun, China.

Se o novo cálculo for confirmado, o supercondutor proposto poderia superar a temperatura recorde da equipe de Hemley. “Isso é uma previsão importante usando o nível de teoria que provou ser precisa”, disse Hamley, da Universidade de Illinois em Chigago, que não estava envolvido na pesquisa.

O supercondutor teórico tem átomos de lítio (verde), magnésio (azul) e hidrogênio (vermelho), cuja fórmula química é Li_{2}MgH_{16}, de acordo com as fontes.

Se este supercondutor por criado na prática, não haverá grandes mudanças. Porque precisa de uma pressão muito alta, limitando as aplicações.

 

Print Friendly, PDF & Email

About Pedro Ney Stroski

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *