Materiais, Militar, Notícia, Novas tecnologias

Material flexível pode permitir camuflagem ótica

Foi desenvolvido um novo material, que pode criar displays flexíveis e camuflagem ótica, invisibilidade como em filmes e games.

Fonte: Futurism (Traduzido para o Português)

Uma equipe de engenheiros da Universidade Rutgers criou um material elástico e impresso em 3D que pode mudar de cor, um material exótico que pode permitir um novo tipo de camuflagem militar.

Conforme detalhado em um novo estudo publicado no jornal ACS Applied Materials & Interfaces neste mês, o gel inteligente foi inspirado na pele que muda de cor dos chocos, polvos e lulas.

“Displays eletrônicos estão em todo o lugar e apesar de avanços notáveis como, se tornar mais fino, maior e mais brilhante, eles são baseados em materiais rígidos, limitando o formato que podem ter e como fazem interface com superfícies 3D”, disse em uma declaração, o autor sênior Howon Lee, professor assistente da Rutgers.

“Nossa pesquisa apoia uma nova aproximação de engenharia, apresentando camuflagem que pode ser acrescentada com materiais leves e criar displays coloridos e flexíveis”. Ele acrescentou.

Apesar de armazenarem muita água, hidrogéis podem manter sua forma e permanecer no estado sólido. Eles são abundantes na natureza e podem ser encontrados dentro do corpo humano.

Para criar o material de camuflagem, os engenheiros incorporaram um nanomaterial dentro do gel que muda de forma, tornando-o uma pele de camuflagem flexível. Como resultado, o gel pode agir como um “músculo artificial”, que responde às mudanças da luz se contraindo.

A equipe está agora procurando aumentar a sensibilidade do gel inteligente e maneiras de aumentar a produção.

Para saber mais sobre impressora 3D, clique no link abaixo.

Impressora 3DClique aqui

Liked it? Take a second to support Electrical e-Library on Patreon!

About Pedro Ney Stroski

2 thoughts on “Material flexível pode permitir camuflagem ótica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *