Gadgets, Luz, Processamento digital de sinais, Tecnologia de informação, Telecomunicações

Tipos de códigos de barras (Parte 2)

Depois de um longo hiato, darei continuidade aos tipos de códigos de barras e suas aplicações.

Códigos de barras (Parte 1)Clique aqui

Código 39 ou Alfa 39

Código 39

44 caracteres são usados no código 39. Os asteriscos servem para indicar início e parada, mas nem sempre aparecem nestes códigos de barras. Cada caractere é feito de 5 linhas e 4 espaços, somando 9 elementos, sendo 3 grossos e 6 finos. Por isso tem 39 no nome.

Caractéres do código 39

Seu tamanho é variável, não usa um dígito de verificação (exceto a versão MOD 43). O código 39 ASCII completo inclui letras minúsculas. Este código é mais usado nas indústrias de defesa e automotiva.

Código 93

Código 93

É uma versão mais densa, segura e compacta que o código 39, usado nos setores militar e automotivo e, adotado pelo Canada Post para fornecer informações de entrega. Tem mais caracteres que o código 39. Também tem a versão ASCII, que inclui letras minúsculas.

código 93

Intercalado 2 de 5

códigos de barras 2 a 5

Tem comprimento variável. Usa apenas números de 0 a 9 e a série de números sempre deve ter um número par de dígitos. Se o tamanho da série for número ímpar, um zero deve ser adicionada no início. Cada dígito é representado por 5 traços ou espaços, 2 elementos largos e 3 estreitos. Por isso o nome intercalado 2 de 5. É aplicado em fichas, passagens aéreas, inventários, envelopes, relógios de ponto, boletos e filme 135.

código de barras em boleto

Na logística é usado no código ITF-14 para identificar caixas de papelão e embalagens dos produtos.

Código 128

código 128

O nome é devido à capacidade de codificar todos os 128 caracteres ASCII. Possui alta densidade e é aplicado no fornecimento e transporte de mercadorias. O código 128 é dividido nas seguintes partes:

código 128

  • Zona quieta (Quiet zone).
  • Símbolo de início e parada da série de caracteres (Start/Stop).
  • Dados codificados (Data).
  • Símbolo de verificação (Check Char).

O código 128 pode ser classificado em conjuntos A, B ou C.

  • Conjunto 128A: Usa letras maiúsculas, números de 0 a 9, caracteres de controle e especiais.
  • Conjunto 128B: Usa letras maiúsculas e minúsculas, números de 0 a 9 e caracteres especiais.
  • Conjunto 128C: Utiliza apenas números em pares, de 00 a 99.

GS1-128 ou EAN-128

EAN 128

Derivado do código 128. Permite codificar informações adicionais como data de validade, preço, quantidade, destinatário, dimensões, volume, área, etc. É aplicado na cadeia de suprimentos.

Codabar

Codabar

Adota números de 0 a 9, símbolos (-, $, :, /, + e ponto) e letras maiúsculas A, B, C e D, como caracteres de início e parada. É usado por FedEx, bancos de sangue e nas lombadas dos livros em bibliotecas.

Atualmente, este tipo está sendo substituído por outros que podem armazenar mais informações em um espaço menor.

Posnet

Postnet

Enquanto os demais códigos de barras codificam caracteres com larguras das barras e espaços, o postnet codifica com base na altura das barras. Usa algarismos de 0 a 9 e cada um é codificado com 5 barras.

digítos do postnet

Como todos os códigos de barras, tem uma área quieta (Quiet Zone). As barras nas extremidades marcam o início e o fim do código (Frame Bar) e o último algarismo é de verificação (Check Digit).

Este tipo é utilizado em correspondências.

postnet em carta

 

 

Liked it? Take a second to support Electrical e-Library on Patreon!

About Pedro Ney Stroski

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *